O Brasil é um dos países que mais crescem no mercado pet no mundo. Só em 2020, mesmo com a crise provocada pela COVID-19, o segmento cresceu 17,8%. Ainda segundo o CFMV (Conselho Federal de Medicina Veterinária), houve um aumento de 39,3% de empresas veterinárias de 2017 para 2020, passando de 38,1 mil clínicas, hospitais, consultórios, ambulatórios e pet shops, para 53,1 mil.

A Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet) aponta também que, em 2019, o faturamento total do segmento veterinário foi de R$ 36 bilhões.

Um recente levantamento realizado na Base de Empresas Cognatis mostrou que São Paulo é o estado com maior número de empresas veterinárias (5.490), apresentando mais que o dobro de estabelecimentos que Minas Gerais (1.874), que ocupa a segunda posição no ranking.

O estudo indicou também que se encontram nas regiões Sudeste e Sul os municípios com mais empresas veterinárias por domicílio, sendo que São Caetano do Sul, Passos e Chapecó ocupam as três primeiras colocações nessa classificação.

O estudo de mercado por setor é a maneira mais certeira de tomar decisões de negócios. Saiba mais, entrando em contato com nossa equipe.

Comentários encerrados.